Make your own free website on Tripod.com

3GERARD DE NERVAL

 


	Gerard Labrunie, que adotou o pseudônimo 
acima, nasceu em Paris em 1808. Estudante, publicou 
seu primeiro livro, "La France querriere, elegies 
nationales". Traduziu o "Fausto" de Goethe e escreveu 
para o teatro. Publicou, contos, novelas, etc. três 
ataques de loucura, ocorridos a partir de 1843, 
levaram-no ao suicídio em 1855.

EL DESDICHADO

Eu sou o tenebroso, o viúvo, o inconsolado
Príncipe d'Aquitânia, em triste rebeldia:
É morta a minha estrela, - e no meu constelado
Alaúde há o negror, sol da melancolia.

Na noite tumular, em que me hás consolado,
O Pausílipo, a Itália, o mar, a onda bravia,
Dá-me outra vez, - e dá-me a flor do meu agrado
E a ramada em que a rosa ao pâmpano se alia…

Sou Byron? Lusignan? Febo? O Amor? Adivinha!
As faces me esbraseia o beijo da rainha;
Cismo e sonho na gruta em que a sereia nada…

Duas vezes o Aqueronte, - é o grande feito meu, -
Transpus a modular, nesta lira de Orfeu,
Os suspiros da santa e os clamores da fada…
(Trad. de R. Magalhães Júnior)

FOLHETIM | LITERATURA | GRAMÁTICA | CONTATO | HTML